Home > Notícias

Saiba o que há de bom (e de ruim) no iOS 4.2, que chega em novembro

Confira os principais recursos da nova versão do sistema operacional móvel da Apple, que deve ter foco no iPad

PC World / EUA

20/09/2010 às 11h19

Foto:

Em novembro, a Apple libera o  iOS 4.2, nova versão do sistema operacional para seus dispositivos portáteis. Apesar da adição das ferramentas de criação de pastas, impressão wireless e organização de e-mails por tópicos certamente tornarem o iPad melhor (as mudanças mais significativas são para o tablet), outras mudanças podem fazer com que os usuários tenham saudades de épocas quando as coisas eram mais simples.

Veja abaixo o que há de positivo e negativo sobre a nova versão do sistema da Apple, que chega em novembro deste ano.

Legal: pastas
Com a adição de pastas no iOS 4 para iPhone, é difícil entender porque a Apple segurou tanto a chegada dessa ferramenta para o tablet. Mesmo com muito esforço para arranjar os apps do iPad por tipo, as telas iniciais acabaram tornando-se um verdadeiro caos. As pastas trazem clareza, limpeza e organização.

Não tão legal: multitarefa
A multitarefa no iPhone parece uma bênção e um peso, ao mesmo tempo. É inestimável para aplicativos de música como o Pandora e o MOG, mas também exige que você fique ligado com a barra de tarefas, fechando apps não utilizados por um processo desajeitado de remoção. Mudando do iPhone para o iPad, há algo de bacana em sair de um aplicativo com o botão home e saber que ele está realmente fechado.

Legal: itens ligados entre si por uma rede
Corretamente conhecidos como AirPlay e AirPrint, esses recursos permitem o streaming de música e vídeo para o iPad a partir de um computador, aparelho de armazenamento ou Apple TV ligado(s) em rede, além de imprimir do tablet para uma impressora em rede. Será legal ter essas ferramentas sem precisar pagar por aplicativos de terceiros.

ipadios42.jpg

Recurso de pastas permite organizar as telas iniciais do seu iPad

Não tão legal: software de travamento de tela
O iOS 4.2 delega à lateral do iPad a ação de colocar o volume no mudo, em vez de travar a orientação de tela. Mas o iPad  já possuía uma função de mudo rápido – apertar o botão de volume por um momento muda automaticamente o volume para zero – e agora a trava de orientação ficará enterrada próximo ao widget de controle do iTunes, como é no iPhone. Isso são três passos, em vez de um, para travar o iPad no lugar.

Legal: novas fontes no Notes
Apesar de ser um sistema operacional  elegante, o iOS possui um gosto estranho por fontes, usando o Marker Tip no app padrão do Notes. Felizmente, o iOS 4.2 traz a opção de escolha entre três fontes, incluindo Helvetica e Chalkboard. Será que teremos a Courier New no iOS 5?

Não tão legal (por enquanto): Game Center
Talvez o Game Center se torne uma forte influência de game social quando novembro chegar, mas ele teve uma estreia fraca no iPhone, com uma pequenina seleção de jogos – muitos dos quais não suportam a criação de partidas multiplayer – e sem promoções para fazer a bola rolar. Por enquanto, continuarei usando o OpenFeint como minha fonte principal de descoberta e adição de games. O Game Center é apenas mais um programa que não pode ser apagado.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail