Home > Notícias

Saída de Jobs não afeta vendas da Apple, mostra pesquisa

Levantamento da ChangeWave afirma que apenas 4% dos consumidores deixariam de comprar produtos da empresa após saída de executivo; número era de 18% em 2008

Macworld / EUA

14/09/2011 às 12h43

Foto:

Apesar de a saída de Steve Jobs da cadeira de CEO da Apple ter marcado uma grande mudança no desenvolvimento da companhia, uma coisa que provavelmente não será afetada com a mudança – por enquanto, ao menos – é a imagem da empresa.

Uma nova pesquisa da consultoria ChangeWave Research afirma que o fim da trajetória de Jobs no posto mais alto da empresa não interfere na adoção de seus produtos pelos consumidores.

No levantamento realizado no início do mês, apenas 4% dos entrevistados disseram que estariam menos propensos a comprar produtos da Apple sem Jobs no comando. Já 1% disse que a saída do executivo aumentou as chances de comprarem produtos da empresa, enquanto 6% não souberam responder. Isso significa que cerca de 90% dos consumidores entrevistados continuarão com a mesma intenção de compra de produtos da Apple, não importando quem ocupe o cargo de CEO.

Para efeito de comparação, em 2008 o número de pessoas que provavelmente não comprariam produtos da Apple sem Jobs era muito maior. Uma pesquisa da ChangeWave realizada naquele ano descobriu que 18% dos entrevistados tinham menos chances de comprar aparelhos da Apple sem o comando de Jobs – a pesquisa foi feita após a Bloomberg publicar um obituário do executivo por engano. 

Leia também:

- Por que a Apple não vai naufragar sem Steve Jobs

Queremos iPad!
Além disso, a ChangeWave descobriu outros bons números para a Apple em uma pesquisa feita em agosto. Quase 85% dos entrevistados que planejam comprar um tablet disseram que o iPad seria o escolhido. Esse número fica em 80% entre os usuários corporativos – bem atrás estão a Samsung, com 7% das intenções de compra, e a Motorola, com 4%.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail