Home > Notícias

Samsung confirma que Galaxy Tab tem problemas com apps do Android Market

Segundo Google, sistema Android 2.2 não foi projetado para tablets, mas para equipamentos com telas de 4 polegadas ou menos.

IDG News Service

22/09/2010 às 8h21

Foto:

A Samsung reconheceu na última terça-feira (22/9) que alguns aplicativos do Android Market serão executados em uma resolução inferior a tela de sete polegadas do tablet Samsung Galaxy Tab. "Será possível baixar as aplicações. No entanto, elas foram desenvolvidas para uma tela de 800x400 pixels", declarou um porta-voz da Samsung. O aparelho de 7 polegadas oferece resolução superior com 1024x600 pixels.

Ainda segundo o representante, o trabalho de desenvolvimento do dispositivo foi feito em conjunto com a gigante de buscas, de modo que serviços móveis da companhia, incluindo o Maps, sejam reprogramados para a tela de do Galaxy Tab. Isso limitaria o problema a aplicativos de terceiros disponíveis na loja online. 

"O principal foco da Samsung, no momento, é oferecer serviços, como o Social Hub, calendário, e-mail e etc, como também serviços móveis da Google, como Maps, Gmail, e outros. Nós sabemos que muitos dos aplicativos da Android Market serão reprogramáveis. No entanto, ainda é muito cedo para quantificar ou indicar um número exato", completou ele.

Há duas semanas, a questão foi antecipada pelo diretor de produtos móveis da Google, Hugo Barra, em uma entrevista recente para o site TechRadar. Segundo Barra, o Android 2.2, ou Froyo, não foi projetado para tablets, mas para equipamentos com telas de 4 polegadas ou menos.

Para alguns analistas do setor, incluindo Rob Enderle, da consultoria Enderle Group, o uso do Froyo em tablets pode resultar em aplicativos, incluindo jogos, de visualização ruim, já que ampliar a área de exibição poderá resultar em imagens de baixa qualidade, possivelmente, desfocadas e com bordas cortadas. Por outro lado, o problema parece não afetar aplicativos nativos ou recursos como navegação na Web e reprodução de vídeos.

Além da Samsung, a HP admitiu na última segunda-feira (22/9) que seu novo tablet com Android também não é adequado para aplicações encontradas na loja da Google.

"O aparelho tem uma tela de sete polegadas e a maioria dos aplicativos não é projetada para exibição nessa resolução", comentou Jeff Walter, gerente de marketing de soluções para Web. 

Antes, na sexta-feira (17/9), um funcionário da Google, que pediu para não ser identificado, contrariou os demais comentários e citou que as aplicações disponíveis na Android são otimizadas para todos os tamanhos de dispositivos e que Barra tinha sido citado fora de contexto. 

Nenhum outro funcionário da Google ofereceu mais esclarecimentos sobre o caso.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail