Home > Notícias

Samsung lança plataforma Bada e terá loja de aplicativos em 2010

Plataforma será usada sobre sistema operacional propritário e estará aberta ao desenvolvimento de aplicativos por terceiros.

Daniel Ionescu, da PC World/EUA

11/11/2009 às 19h18

Samsung_ilustra150.jpg
Foto:

samsung_ilustra150.jpgA Samsung apresentou seu novo sistema operacional Bada, direcionado a seus mais recentes smartphones. Mas, com tantas plataformas disponíveis - iPhone OS, Windows Mobile, Symbian e Android - será que o mercado realmente precisa de uma?

Segundo a Samsung, a partir de 2010, smartphones da marca trarão o Bada, mesma época em que deve começar a funcionar uma loja de aplicativos online, para poder competir com as plataformas Apple e Google.

O que causa estranheza é o fato de Samsung, uma das maiores fabricantes de celulares e smartphones do mundo, ter equipamentos hoje nas plataformas da Microsoft e do Google. Um detalhe pode explicar a estratégia. A fabricante coreana não recebe um centavo sequer das vendas de aplicativos para os aparelhos da marca dedicados a estas plataformas.

O sucesso das lojas de aplicativos - o exemplo mais notável desta estratégia é a App Store da Apple e seus mais de 100 mil aplicativos - tem levado muitas empresas a partirem por iniciativas próprias, como forma de reterem elas mesmas, uma parte dessa receita. E a Samsung está vai por esse caminho com a introdução do Bada em seus equipamentos.

Leia também: 
>> Aplicativos: mais importante que o smartphone é a plataforma
>> Dez aplicativos legais para usar em celular com Android
>> Milestone Droid pode incentivar a criação de games para Android
>> iPhone e Android não estão preparados para o segmento corporativo
>> Xperia X10 quer brigar com iPhone, Milestone Droid e Liquid

O Bada, que significa “oceano” em coreano, será basicamente um software sobreposto ao sistema operacional proprietário da Samsung e permitirá o desenvolvimento de aplicativos por terceiros.

Os smartphones representam menos de 5% dos negócios da Samsung. Entretanto, é o segmento mais rentável e que mais cresce no mercado, motivo suficiente para a Samsung apostar seu desenvolvimento nessa área.

Atualmente, a maior parte dos smartphones da marca traz o Windows Mobile, mas a fabricante lançou recentemente um equipamento movida a Android, o Samsung Galaxy.

Pesquisas mostram que Apple, Google e RIM (fabricante do BlackBerry) dominam os sistemas operacionais e lojas de aplicativos para smartphones. Mas existem números que mostram que a venda desses aparelhos irá crescer 16% até o final de 2009 – o que significa que a Samsung terá bastante espaço para brigar com a concorrência.

O futuro do Bada só dependerá da qualidade da plataforma e de quantos desenvolvedores aceitarão criar aplicativos para a Samsung, detalhes ainda são incertos.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail