Home > Notícias

Samsung vende porta-retratos digitais que vêm com cavalo-de-tróia

CD de instalação para Windows XP de cinco modelos de porta-retratoa trazem cavalo-de-tróia. Samsung divulga correção.

IDG News Service/EUA

26/12/2008 às 16h41

Foto:

Pelo segundo ano seguido, um fabricante de porta-retratos digitais vendeu equipamentos com malwares integrados. Desta vez, o problema aconteceu com a Samsung. CDs vendidos com muitos modelos de porta-retratos digitais incluíam um cavalo-de-tróia que, caso explorado, poderia dar aos crackers uma forma de invadir o micro da vítima.

O malware, conhecido como W32.Sality.AE, está no software para Windows XP do Frame Manager, da Samsung, encartado aos aparelhos eletrônicos. A praga é instalada a partir do momento que o Frame Manager é lido do CD, que ajuda usuários a jogar ao porta-retrato imagens do disco rígido. A praga não afeta o Windows Vista.

O  W32.Sality.AE foi descoberto no setor de segurança em abril e, segundo a Samsung, é detectado pela grande maioria dos softwares antivírus.

Os modelos atingidos são os SPF-75H, SPF-76H, SPF-85H, SPF-85P e SPF-105P. A Samsung remonda usuários afetados a baixar a atualização para o software já oferecida no seu Download Center.

Em 2007,  a rede de lojas Best Buy vendeu porta-retratos da marca Insignia contaminados com um vírus. O varejista, posteriormente, descontinuou a linha própria de aparelhos do tipo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail