Home > Notícias

SCO pretende vender em leilão ativos do Unix

Em concordata, empresa afirma que decisão visa proteger clientes, funcionários e a tecnologia.

IDG News Service/Nova York

16/09/2010 às 15h08

Foto:

Embora continue a brigar pela propriedade do Unix na
Justiça, o SCO Group planeja oferecer em leilão a maioria de seus ativos
relacionados a Unix, incluindo “certos produtos de software Unix System V e
serviços correlatos”, anunciou a empresa nesta quinta-feira (16/9).

As partes interessadas devem submeter seus lances até 5 de
outubro.

“Esta venda de ativos é um passo importante no sentido de
assegurar a continuidade dos negócios para nossos clientes pelo mundo”, disse
Ken Nielsen, principal executivo financeiro (CFO) da SCO, em declaração. “Nosso
objetivo é assegurar a viabilidade da SCO, de seus clientes e empregados e da tecnologia
Unix.”

Em 2008, a SCO entrou com pedido de proteção judicial contra
falência (Chapter 11, de acordo com a legislação americana). Isso, contudo, não
a impediu de continuar comercializando o software System V. A empresa alega que
o software System V permanecerá livre de qualquer alienação ou impedimento relacionado
à falência.

A SCO abriu um processo contra a IBM em 2003 por ter supostamente contribuído com código Unix para o sistema operacional Linux, de código aberto.
A IBM ganhou a causa; mesmo assim, no ano seguinte, a SCO processou a Novell
sobre os direitos de propriedade do Unix.

Embora o caso tenha sido decidido em meados de junho deste
ano a favor da Novell, a SCO recorreu da decisão.

A AT&T lançou o System V, uma atualização do sistema
Unix, em 1983. Em 1993, a AT&T vendeu o software para a Novell. Em 1995, a
Novell vendeu sua unidade de negócios Unix para a SCO, junto com os direitos de
distribuição do System V.

Como todos os fornecedores de Unix, a SCO tem sofrido os
efeitos da concorrência, tanto das distribuições Linux como do Microsoft
Windows Server. A receita mundial de licenças de software da SCO caiu quase
pela metade de 2007 para 2009, de 16 milhões de dólares em 2007 para 7 milhões
em 2009, de acordo com estimativas da IDC.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail