Home > Notícias

Segundo Nvidia, smartphones com chips dual-core serão comuns em 2011

Tecnologia melhorará o desempenho dos aparelhos e aumentará a autonomia das baterias.

IDG News Service

07/12/2010 às 13h13

Foto:

Dispositivos móveis com processadores dual-core serão o padrão em 2011, em um futuro próximo, quad-core, prevê a Nvidia, fabricante mundial de chips.

De acordo com a companhia, que pretende incluir mais núcleos de CPU em tablets e smartphones, isso melhorará o desempenho de tais equipamentos e prolongará o tempo de vida útil das baterias. 

"A maioria dos atuais aparelhos móveis possui um único núcleo de processador, o que não é suficiente para lidar com jogos 3D, vídeos e outras aplicações", declarou a empresa. 

O aumento na quantidade de núcleos é uma alternativa para melhorar o desempenho durante o processo de inicialização, por exemplo, o que contribuiria também para evitar o excesso de calor e de consumo de energia.

De fato, o mercado de dispositivos móveis parece seguir a mesma tendência de notebooks e PCs, na qual fabricantes como Intel e AMD adicionam mais núcleos a cada nova geração. Hoje desktops já rodam com chips de dois, quatro ou até oito núcleos.

Tablets e smartphones

A Nvidia está lançando seu chip dual-core Tegra 2 para tablets, que inclui dois núcleos ARM e um chipset gráfico GeForce. Segundo a previsão original da empresa, ele também estaria disponível para smartphones durante o quarto trimestre de 2010, mas isso parece improvável. 

Enquanto isso, a Qualcomm lançou seu processador dual-core MSM8660 e em breve planeja apresentar outro mais rápido, o QSD8672. Já Texas Instruments anunciou que pode lançar o chip dual-core OMAP4430 ainda este ano. 

Entretanto, ninguém conseguiu superar a Marvell, que anunciou em setembro um chip de três núcleos, destinado a abastecer o crescente mercado de tablets. O processador inclui dois núcleos operando na velocidade máxima de 1.5 GHz e um terceiro sendo executado em 624MHz, otimizado para recursos que demandam menos potência. 

Especialistas também apontam que, além de adicionar mais núcleos, existem outras técnicas, como a virtualização, para melhorar o desempenho dos dispositivos móveis. 

Nenhuma das fabricantes falou sobre planos ou datas para o lançamento de chips móveis quad-core.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail