Home > Notícias

Sem acordo, YouTube tira áudio de vídeos de artistas da Warner Music

Como gravadora não conseguiu melhor compensação financeira por direitos autorais, YouTube adota estratégia alternativa.

Redação da PC World / EUA

15/01/2009 às 16h01

Foto:

O YouTube cortou o áudio de vídeos que têm a participação de artistas do Warner Music Group. Este é um esforço para evitar mais alegações de infração de direitos autorais feitas pela gravadora e outros detentores de direitos.

No mês passado, o YouTube e a Warner encerraram suas conversas após a demanda da gravadora por melhor compensação financeira via acordos de licenciamento e publicidade não se concretizar.

Após esta ocasião, a Warner pediu que todo o seu conteúdo fosse excluído do site. Para cumprir a ordem de forma alternativa, o YouTube iniciou o ‘tratamento silencioso’ dos vídeos.

Com a estratégia, no lugar de ouvir o áudio da música, o usuário é contemplado com a mensagem falada: “Este vídeo possui uma faixa cuja reprodução não foi autorizada por todos os detentores de seus direitos. Por isso o áudio foi desabilitado”.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail