Home > Notícias

Será que passa? Opera Mini para iPhone segue para a aprovação da Apple

Novo navegador promete ser até seis vezes mais rápido que o Safari, browser padrão do popular smartphone; para pressionar, Opera cria concurso que indaga o tempo que será necessário para a liberação, com iPhone como prêmio

Macworld/Reino Unido

23/03/2010 às 11h03

Foto:

A Opera Software, que desenvolve navegadores de Internet para desktops e dispositivos móveis, enviou para a aprovação da Apple o browser Opera Mini para iPhone. O programa já havia sido apresentado ao público em fevereiro, no evento Mobile World Congress, em Barcelona, na Espanha.

Segundo a empresa, o Mini já é utilizado em mais de 50 milhões de celulares em todo o mundo. Resta saber se passará pelo crivo da Apple, que tem o Safari como navegador padrão de seu smartphone.

Isso sem falar no fato de a Opera prometer um software “rápido como um foguete”, até seis vezes mais veloz que o Safari e com sistema de compressão de dados que promete compactar até 90% das informações antes de enviá-las ao smartphone, o que acelera a visualização das páginas.

Mark Hattersley, da Macworld britânica, teve um preview do Opera Mini para iPhone durante a MWC, de Barcelona, e conta o que viu: “na rápida demonstração que tivemos, ficou claro que o Opera no iPhone justifica sua reputação de ser muito veloz”, conta.

Jon von Tetzchner, cofundador da Opera Software, afirma que não acredita que seu produto será vetado, apesar de a Apple recomendar que “as funcionalidades principais do iPhone não sejam duplicadas”. "Eles já liberaram outros browsers", afirma Tetzchner. Esperamos que isso se repita.

E para botar pressão na Apple, a Opera já criou um relógio online que marcará o tempo que a empresa de Steve Jobs levará para aprovar o Mini, com direito a concurso. Quem acertar o tempo necessário leva um iPhone.

Confira o navegador em ação no vídeo abaixo:

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail