Home > Notícias

Serviço de viagens Airbnb Trips chega ao Rio de Janeiro

Lançado em novembro nos EUA, novo serviço expande atuação da empresa para também atuar no ramo de planejamento de viagens e atividades de turismo.

Da Redação

08/06/2017 às 16h18

airbnb-trips_625.jpg
Foto:

Previsto originalmente para chegar ao Brasil em 1º de junho, o Airbnb Trips teve seu lançamento adiado em uma semana para desembarcar oficialmente no país nesta quinta-feira, 8/6. 

Além disso, a empresa reviu sua estratégia inicial, que previa o lançamento da plataforma em São Paulo e Rio de Janeiro ao mesmo tempo. Com isso, o Trips chega agora apenas na Cidade Maravilhosa – a capital paulista receberá o serviço ainda em 2017 em uma data que será definida, segundo a empresa.

Com o Trips, o Airbnb deixa de ser apenas uma plataforma de aluguel temporário de imóveis e expande para se tornar uma empresa de planejamento de viagens dos seus usuários.

Lançado em novembro do ano passado nos EUA, Europa, Ásia e África, o serviço oferece dicas e programas ou as chamadas Experiências, que podem incluir uma aula sobre como fazer uma comida diferente no Japão, um passeio fitness pela natureza na Califórnia, dirigir carros clássicos em Londres ou conhecer os melhores cafés escondidos de Paris. 

Segundo a companhia, as tais Experiências são desenvolvidas e realizadas por especialistas locais das cidades, que poderão ganhar dinheiro a partir das suas paixões e interesses.

As Experiências oferecidas no Rio de Janeiro trazem algumas atividades típicas do carioca e do Brasil, como surfe, futevôlei, grafite e samba, sempre pela ótica dos anfitriões. Inicialmente, serão aproximadamente 35 Experiências oferecidas pelo Trips na capital do RJ.

airbnbrj_625.jpg

Guias apaixonados

Os cariocas interessados podem se inscrever para oferecer as "experiências" através do link. O Airbnb informa que estão aptos maiores de 18 anos e que se enquadrem nos "padrões de qualidade do Airbnb". 

Anfitriões, segundo a companhia, são "chefs, apaixonados por trilhas ou apenas moradores locais bem-informados que queiram mostrar lugares pouco conhecidos da sua comunidade". Apesar de não exigir que sejam profissionais, o Airbnb deve solicitar algumas licenças para a inscrição dos anfitriões.

airbnbtripsrj_625.jpg

O valor das experiências fica a cargo do próprio anfitrião, assim como acontece com o valor das diárias para as hospedagens. De acordo com a plataforma, quem oferece uma Trip fica com 80% do valor de venda.

A companhia garantiu que as inscrições são avaliadas individualmente antes de serem ofertadas pelo novo serviço. 

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail