Home > Notícias

Siemens pode terminar parceria com a Fujitsu para fabricação de PCs

Fonte interna revelou ao Wall Street Journal que companhia pretende deixar parceria estabelecida há nove anos.

IDG News Service/Japão

06/08/2008 às 9h03

Foto:

Depois de anunciar sua parceria com a Enterasys, a Siemens pode ter decidido colocar um fim à sua aliança de nove anos com a Fujitsu, por meio da qual as duas companhias fabricavam PCs.

De acordo com revelações feitas por uma fonte interna ao The Wall Street Journal, a companhia alemã - que vem passando por uma profunda reestruturação -  já teria informado à parceira japonesa sua decisão.

Um porta-voz da Fujitsu em Tóquio confirmou que as duas empresas estão em discussões sobre o futuro da aliança, mas disse que nada foi decidido até esta quarta-feira (06/08). O acordo original entre as duas companhias termina em 2009, o que faz com que ambas encarem a questão de renová-lo ou descontinuá-lo.

O acordo prevê que, se uma das partes decidir deixar a parceria, a outra tem o direito de comprar suas ações. O que analistas questionam é que, com a atual situação do mercado, onde os preços praticados pelos concorrentes são cada vez mais baixos, investir mais dinheiro para manter a Fujitsu Siemens pode não ser uma decisão tão clara.

A joint foi formada em outubro de 1999, depois de uma tentativa fracassada de união entre a Siemens e a Acer. O que o WSJ comenta é que a Siemens, que acaba de vender sua operação de celulares, estaria procurando um outro parceiro que lhe permitisse competir melhor nos mercados de hardware do Japão e dos Estados Unidos.

Hoje, a Fujitsu Siemens opera em 36 países e emprega cerca de 10,5 mil pessoas. Em seu último ano fiscal, a companhia apresentou faturamento de 10,2 bilhões de dólares.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail