Home > Notícias

Site pornô é acusado de roubar dados de visitantes

Autores da denúncia alegam que donos do YouPorn teria obtido dados de navegação dos internautas sem o devido consentimento.

Network World/EUA

08/12/2010 às 15h52

Foto:

Os internautas que visitaram nos últimos quatro anos o site pornográfico YouPorn podem se preparar para receber uma indenização caso este seja considerado culpado por roubar o histórico de navegação de seus usuários.

A ação conjunta contra o portal, registrada no Tribunal da Califórnia, nos Estados Unidos, alega que os usuários foram prejudicados quando o código Javascript do serviço invadiu seus browsers, obtendo informações privadas, como as listas de páginas visitadas nos últimos meses.

Por terem valor, diz o documento de acusação, tais dados poderiam ser vendidos, jamais afanados.

O processo surge na sequência de um estudo que comprovou que a prática de roubar o histórico do usuário não só é possível como também ocorre com frequência. Se ganharem a ação, os dois homens que a protocolaram, mais qualquer pessoa prejudicada que queira se unir a eles, receberão ressarcimento ainda não quantificado.

A rigor, o réu é a empresa Midstream Media, com sede nas Antilhas Holandesas, que, além do YouPorn, também é responsável por outros sites pornográficos.

Prática comum
O YouPorn é apenas um dos portais listados pela pesquisa promovida pela Universidade da Califórnia, que concluiu que diversas páginas coletam o histórico dos usuários sem qualquer tipo de autorização.

Os autores desenvolveram uma ferramenta que visita os portais suspeitos e identifica se eles, de fato, sondam o navegador em busca do histórico armazenado. A ação, em nenhum momento, cita o trabalho, mas trechos que descrevem como os dados são obtidos são idênticos à formulação dos pesquisadores.

De acordo com o estudo, o histórico do usuário pode ser utilizado para facilitar a ação de crackers. Ao descobrirem que página bancária, por exemplo, ele visita regularmente, sabem também que isca inventar para conseguirem informações ainda mais relevantes do alvo, como as senhas de suas contas.

A prática também é útil a administradores de sites que, ao descobrirem os outros portais que o usuário costuma visitar, conseguem criar perfis mais detalhados sobre sua audiência, atraindo mais anúncios de empresas que querem atingir um determinado público alvo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail