Home > Notícias

Smartphone Ubuntu fica US$19 mi abaixo do objetivo e não sai do papel

Projeto de crowdfunding da Canonical conseguiu arrecadar "apenas" US$12,8 milhões do total de US$32 milhões. Diretor vê pontos positivos em campanha.

Da Redação

22/08/2013 às 12h37

Foto:

A Canonical conseguiu arrecadar apenas 12,8 milhões de dólares dos 32 milhões que queria para a produção de um smartphone Ubuntu.

Cerca de 20 mil pessoas apoiaram o projeto, que esteve no ar entre 22 de julho e 21 de agosto, mas isso não o suficiente para alcançar o objetivo amibicioso. Memso assim, a soma final levantada fez com que essa fosse a maior arrecadação já feita em um projeto de crowdfunding, segundo a Canonical.

Duas semanas antes do prazo, a Canonical chegou a baixar o preço do telefone para 695 dólares, o que ajudou a aumentar o dinheiro arrecadado em cerca de 4 milhões de dólares. Mas mesmo com a campanha falhando, a Canonical pode tirar muitos pontos positivos da experiência, segundo o fundador Mark Shuttleworth.

“Apesar de nós realmente queremos construir o Edge para mostrar o Ubuntu em telefone, o suporte e a atenção recebidos ainda serão um grande ‘gás’ `a medida que outros smartphones com Ubuntu comecem a chegar em 2014. Milhares de pessoas claramente querem ter um telefone com Ubuntu e acreditam em nossa visão de convergência, e fiquem tranquilos que não terão de esperar muito mais por isso”, escreveu em um post na página da campanha no site Indiegogo.

O executivo também disse que a Canonical foi informada pela Paypal que todos os reembolsos serão processos em até cinco dias úteis. Há cerca de uma semana, a empresa afirmou que os três países que mais contribuíram na campanha foram EUA, Reino Unido e Alemanha.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail