Snapchat tem equipe que verifica propaganda política veiculada na plataforma

Se a veracidade não for atestada, o conteúdo não permanece

Foto: Shutterstock
https://pcworld.com.br/snapchat-tem-equipe-que-verifica-propaganda-politica-veiculada-na-plataforma/
Clique para copiar

O Snapchat encontrou uma maneira para competir com seus rivais – e não tem nada a ver com recursos de fotografia. Segundo o CEO Evan Spiegel, a empresa quer criar um local para alojar publicidade política dentro do aplicativo, com a intenção de fazer com que os usuários, em sua maioria jovens, “se engajem na conversa política” e o melhor: tudo autorizado por uma equipe de fact-checking.

Diferentemente do Facebook e seus derivados, que se recusam a verificar a veracidade dos anúncios políticos veiculados em suas plataformas, o Snapchat foi comparado às redes de TV a cabo, que têm permissão para bloquear quaisquer propagandas que considerarem inaceitáveis, como os que fazem afirmações comprovadamente falsas.

Já era de se esperar que o Snapchat continuasse apostando na exibição de anúncios políticos, visto que uma campanha de registro de eleitores durante as eleições estadunidenses de 2018 – que votaram os representantes da Câmara e do Senado – atraiu cerca de 480 mil usuários.

A medida não significa que os usuários de outras redes sociais automaticamente migrarão para o Snapchat, mas, ao menos, mostra que é possível encontrar um meio termo justo para a publicidade política online.

Fonte: Engadget

Relacionadas

7 executivos tech que controlam o contato dos filhos com a tecnologia

Bill Gates e Steve Jobs privaram seus filhos de um mundo totalmente conectado

Snapchat estaria se posicionando contra táticas agressivas do Facebook

Rede social teria criado dossiê chamado "Projeto Voldemort" para divulgar possíveis práticas anticompetitivas da empresa de Mark Zuckerberg

Snapchat lança recurso que permite tirar selfies 3D

Por enquanto, novidade está disponível apenas para iOS

Spectacles 3 | Snapchat lança mais um óculos de realidade aumentada

O dispositivo é o mais caro entre as versões já lançadas pela marca

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site