Home > Notícias

Snow Leopard chega em 2009 com poucas novidades

Novo Mac OS X será versão de manutenção do Leopard e servirá como base para futuros sistemas da Apple.

henrique.martin@nowdigital.com.br

11/06/2008 às 15h34

Foto:

Um dos temas que passou batido pelo discurso de abertura de Steve Jobs no WWDC 2008 na última segunda-feira foi o futuro lançamento do Snow Leopard, um update de manutenção do Mac OS X a ser lançado no ano que vem.

A Apple já confirmou que o Snow Leopard vai focar em melhorias de performance em vez de trazer novos recursos. Ele será otimizado para rodar em processadores com múltiplos núcleos e permitir "quantidades de RAM inovadoras". A Apple também prometeu uma nova versão de sua plataforma de mídia, o QuickTime X, além de dizer que o sistema oferecerá maior compatibilidade ao Microsoft Exchange 2007.

"Nos últimos anos, inserimos mais de mil recursos no OS X, e o Snow Leopard vai ser a base para outros milhares", disse Bertrand Serlet, vice-presidente sênior de engenharia de software da Apple, em um comunicado da empresa. "Em nosso contínuo esforço para criar a melhor experiência de usuário, vamos pressionar o botão de pausa em novos recursos para focar em aperfeiçoar o sistema operacional mais avançado do mundo".

A Apple não comentou sobre rumores de que o Snow Leopard seria compatível apenas com Macs que usam processadores Intel.

Os desenvolvedores consideraram bem-vindas as notícias sobre o Snow Leopard por diversos motivos. Muitos deles querem focar na criação de software para o iPhone sem ter que se preocupar com quaisquer novas APIs que a Apple poderia lançar com uma grande mudança no sistema operacional.
++++
Outros desenvolvedores gostaram da idéia de que o Snow Leopard vá corrigir alguns bugs nas APIs existentes, o que torna ainda mais fácil criar aplicativos para o Mac. E, claro, o tempo ganho ajuda os programadores a limpar seu código de bugs.

"A Apple inseriu APIs tão incríveis no Leopard que os desenvolvedores não tiveram chance ainda de aproveitá-las ao máximo", afirmou Jeff Ganyard, vice-presidente de engenharia da MacSpeech. "Isso nos dá algum tempo para revisar tudo".

Kevin Ford, presidente da Parliant, que produz software para telefonia, disse que recursos novos não são tão importantes para ele neste momento. "Não quero nada novo no sistema existente. Prefiro ter melhor estabilidade a novos recursos", afirmou.

Existe outra razão pela qual a Apple vai fazer apenas uma versão de manutenção do OS X em vez de uma mudança completa, e é um bom motivo. Os desenvolvedores estão preocupados com o desenvolvimento para iPhone, e a própria Apple tem investido forte no kit de desenvolvimento de software (SDK) do iPhone.

Enquanto o iPhone ganha mais espaço no mercado de celulares, a Apple continua a atrair novos desenvolvedores para sua plataforma, o que torna importante ter o melhor SDK possível para o iPhone.
++++
Os analistas de mercado também não se preocupam com a atitude da Apple em relação ao Snow Leopard. Ross Rubin, diretor do NPD Group e veterano observador da Apple, não vê nenhuma urgência no fato de a Apple não fazer nada diferente.

"No lado da competição, não existe urgência, já que a Microsoft continua a brigar por mais mercado pelo Vista e começa a apontar para um distante Windows 7", afirmou o analista. "Uma nova arquitetura de mídia - o QuickTime X- pode ser mais útil, já que os consumidores começam a assistir e produzir conteúdo em alta definição.

Entretanto, os desenvolvedores não são os únicos que a Apple tem que convencer sobre o Snow Leopard ser uma boa mudança estratégica para a empresa. Tem que convencer os consumidores também. "É um desafio, já que a Apple promoveu pesadamente seus updates cheios de recursos desde o lançamento do Mac OS X. Até a posição da Apple hoje sobre o Snow Leopard é que ele será a base para futuros sistemas operacionais", conclui o analista.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail