Home > Notícias

Snow Leopard e Windows 7: o que esperar dos novos sistemas?

Os novos sistemas operacionais para Mac e PC apresentam alguns pontos em comum. Saiba o que esperar quando eles forem lançados - a partir de 2009.

Mark Hattersley, Macworld/UK

30/10/2008 às 7h04

Foto:

A Microsoft mostrou o Windows 7 na última terça-feira (28) em sua conferência anual para desenvolvedores (chamada de PDC, em inglês), em Los Angeles. O Windows 7 vai substituir o Windows Vista como principal sistema operacional para PCs com Windows.

Com a próxima versão do Mac OS X, codinome Snow Leopard, também em desenvolvimento, nos encontramos com Ian Moulster, diretor de Windows Live, para conversar sobre as principais idéias da Microsoft e descobrir quais são as metas das próximas gerações de sistemas operacionais para atingir os usuários de PCs e de Mac.

No WWDC, conferência anual de desenvolvedores, a Apple anunciou que a próxima versão do OS X teria uma pausa no lançamento de novos recursos e iria focar em desempenho. “Já trouxemos mais de mil novos recursos ao OS X em sete anos, e o Snow Leopard prepara o terreno para mais milhares deles”, disse Bertrand Serlet, vice-presidente sênior de engenharia de software da Apple. “Em nosso esforço contínuo em criar a melhor experiência de usuário, apertamos o botão de pausa em novos recursos para aperfeiçoar o sistema”.

A atualização do OS X, esperada para lançamento em junho de 2009, será otimizada para processadores multi-core e permitir um avanço no uso de RAM – na teoria, até 16 TB. A Apple também prometeu melhorias no novo QuickTime X, e o sistema terá compatibilidade nativa com o Microsoft Exchange 2007.

Do outro lado do muro, a Microsoft admitiu publicamente os problemas com o Vista. Então, nossa primeira questão para a Microsoft foi se o Windows 7 não é uma cortina de fumaça para corrigir os problemas do Vista. A resposta foi “não. Os service packs 1 e 2 corrigem isso”, disse Moulster. “Ele é menos sobre corrigir coisas e mais sobre criar novas coisas boas. É para onde vamos a partir de agora”.

Tendo isso em mente, nos mantivemos na discussão sobre o futuro do sistema operacional. Está claro que o Snow Leopard será mais que apenas um salto em velocidade, e a Microsoft tem mais do que algumas idéias “emprestadas” para corrigir o Vista.

Touchscreen a caminho
Em algum momento de 2009, desktops e notebooks terão maior compatibilidade com tecnologias multitoque e touchscreen.

Um dos grandes novos recursos confirmados para o Windows 7 é a melhoria em como o sistema lida com touchscreen. Com a inspiração no iPhone e na tecnologia usada no Microsoft Surface, o Windows 7 terá a mesma experiência de gestos multitoque no computador.

“Você poderá arrastar fotos em janelas e redimensioná-las movendo suas pontas, esse tipo de coisa”, disse Moulster. “Nós redesenhamos a interface para tornar o touchscreen muito mais fácil, e será bom ver o que vem por aí. Já temos diversos meios de interagir com o computador: teclado, mouse, voz, e isso é mais um modo de interação, mais um tipo de escolha”.

Um ponto a se notar é que, enquanto o Google ficou longe de telas multitoque no celular G1 com Android, a Microsoft parece não ter medo de disputas judiciais – já que ela é dona da tecnologia do Surface. Entretanto, como o Google, a Microsoft também vai permitir a outras empresas que desenvolvam gestos multitoque para o Windows 7.

Pensando desse modo, a bola do touchscreen agora está de volta ao campo da Apple – ela tem o iPhone e multitoque nos novos MacBooks, o que nos leva a pensar que ela é a principal autoridade em entrada de dados com toques. Mas a Apple parece não ver o touchscreen indo além do iPhone e iPod touch: no lançamento do iPhone no Reino Unido, Steve Jobs disse que “Multitoque faz muito sentido no iPhone, mas não muito sentido no iMac. Considere isso um projeto de pesquisa”.

Agora, é esperar a Macworld Expo 2009, em janeiro. Será que vem aí um Mac touchscreen?

Snow Leopard: os rumores
Embora a Apple diga que o Snow Leopard seja uma atualização para performance, alguns recursos apareceram no site da empresa. O primeiro é compatibilidade para o Microsoft Exchange 2007 integrada ao Mail, Agenda e iCal. Embora isso seja de pouco interesse para a maioria dos consumidores, abre um caminho novo para a Apple no mercado corporativo com o Mac e o iPhone.

Alguns recursos do OS X Server devem também seguir para futuras versões do OS X. Uma delas é um aplicativo chamado Podcast Producer, que permite aos usuários gravar podcasts de áudio e vídeo rapidamente e fazer uma edição básica. Outra é o Wiki Server, que permite criar grupos para compartilhar e criar informações e arquivos. Não sabemos quanto essas tecnologias são dependentes de um servidor de Mac OS, nem se elas podem fazer parte do Snow Leopard.

No geral, poucos detalhes sobre recursos do Snow Leopard foram dados, graças às melhorias de desempenho (como a tecnologia Grand Central, que aumenta a performance em processadores com múltiplos núcleos). Mas, de novo, temos que aguardar janeiro e a Macworld Expo para ver os detalhes.

Windows 7: o que vem por aí
A Microsoft explicou algumas novidades do Windows 7. Muitas melhorias ocorreram na interface de usuários. Agora você pode redimensionar as janelas ao arrastá-las para as bordas da tela. No topo, tela cheia; embaixo, janela minimizada; nas laterais, elas ocupam metade da tela. É interessante para comparar documentos lado a lado no monitor. E com suporte a touchscreen, pode ter um resultado interessante.

Outros recursos de interface são velhos conhecidos dos usuários de OS X. A barra de tarefas tem algo similar ao Stacks, com múltiplos arquivos abertos em um programa organizados em um thumbnail que “empilha” tudo em um ícone na barra de tarefas. Os ícones de Início Rápido também foram removidos e agora você mantém os aplicativos direto na barra de tarefas (algo similar ao “Manter no Dock” no OS X). “São pequenas coisas que tornam mais fácil o uso”, afirmou Moulster.

Outro pacote de recursos se chama Home Group, que facilita as buscas de múltiplos usuários em rede nos discos rígidos de cada um. Parece (já que não vimos isso ainda) que é algo similar às funcionalidades de rede atuais do OS X e do Vista.

Na área de segurança, um aprimoramento do Windows BitLocker (equivalente ao FileVault, do OS X) permite criptografar dispositivos de memória USB e discos rígidos nos PCs, ajudando os usuários a não perder dados confidenciais. O novo BitLocker será compatível com o Windows XP, que será capaz de abrir os arquivos protegidos, embora o Windows 7 seja necessário para fazer a proteção inicial.

Um novo Device Manager terá compatibilidade com dispositivos de outros fabricantes – a idéia é que, quando você conecta um hardware/acessório novo, o Device Manager dê uma representação visual do dispositivo e garanta acesso a funções como sincronizar e copiar dados. E os fabricantes enviam suas atualizações via Windows Update. 

E, finalmente, o Windows 7 terá uma nova e melhorada função de buscas que vai incluir redes corporativas. “Você pode, de um modo bastante granular, incorporar tudo que sua busca irá trazer”, explicou Moulster. Apesar de acharmos que há poucas informações sobre os recursos dos Windows 7, Moulster garante que é apenas uma prévia mesmo. “Não estamos prontos para contar tudo ainda.”

Requisitos de sistema e data de lançamento
Como já dissemos, o Snow Leopard é projetado para aproveitar os processadores multi-core da Intel, e esperamos que ele rode em Macs com Intel apenas, deixando os G5 e anteriores de fora. Moulster informou que o Windows 7 deve ter os mesmos requisitos de sistema que o Vista. Nenhum deles é projetado ainda para a próxima geração de computadores, mas sim para aproveitar ao máximo a atual.

O Snow Leopard tem previsão de início das vendas em junho de 2009. O Windows 7 não tem data ainda - só um beta público previsto para o início do ano. “Os participantes do PDC receberão uma cópia inicial, mas não estamos anunciando nada além disso”, concluiu. “Espero que não demore muito”.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail