Home > Notícias

Software para iPhone que mede radiação do celular é vetado pela Apple

Segundo o desenvolvedor do aplicativo, ele é capaz de dizer quando o nível de exposição ao telefone se torna nocivo ao usuário

Macworld/Reino Unido

08/03/2010 às 10h10

Foto:

A Apple vetou um aplicativo para iPhone que prometia minimizar a exposição do usuário à radiação emitida pelos celulares. Ele foi desenvolvido pela empresas israelense Tawkon, que investiu um ano e meio de trabalho no software, o qual ela pretendia vender por entre 5 e 10 dólares.

Em declaração ao jornal The Washington Post, o fundador da empresa, Gil Friedlander, afirmou que a mensagem do programa é moderada, que não há intenção de incentivar as pessoas a pararem de usar seus aparelhos. Segundo ele, a Apple informou que a informação sobre o nível de radiação do aparelho fornecida pelo aplicativo pode confundir o usuário, embora ele tenha uma excelente interface.

De acordo com os desenvolvedores, a tecnologia da Tawkon alerta o usuário quando o nível de radiação fica muito alto (dado que é coletado com o uso de informações como localização do usuário, tempo de uso ou distância da cabeça com a qual costuma utilizar o aparelho). Quando isso acontece, é exibida uma mensagem que sugere a redução dessa exposição, o que pode ser feito, por exemplo, com o uso do fone de ouvido ou com viva-voz.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail