Home > Notícias

Sony assume controle completo da Sony-Ericsson por US$ 1,5 bilhão

Joint-Venture com a Ericsson para produção de celulares e smartphones operava desde 2001. Acordo também inclui um conjunto de patentes.

Redação do IDG Now!

27/10/2011 às 9h54

Foto:

Após muitos rumores nas últimas semanas, a Sony anunciou na manhã de hoje, 27/10, a esperada compra dos 50% da sua parceira Ericsson na joint-venture iniciada em 2011, de acordo com informações da CNET e da Reuters. A fabricante japonesa pagou cerca de US$1,5 bilhão no negócio.

Com o transação, a fabricante japonesa busca aumentar sua participação no mercado de tablets e smartphones e se aproximar das rivais Apple e Samsung. Até então, alguns segmentos da Sony como tablets, games e outros aparelhos eletrônicos faziam parte de uma divisão separada dos telefones criados e comercializados pela joint venture Sony Ericsson. Vale lembrar que a Sony Ericsson possui uma linha de smartphones Xperia que usa o sistema Android, da Google.

“Agora poderemos oferecer aos consumidores de modo mais rápido e amplo smartphones, tablets, notebooks e TVs que se conectam diretamente uns com os outros e abrem novos mundos de entretenimento online", afirmou o diretor da Sony, Howard Stringer.

A aquisição da sua parceira sueca de dez anos também dá a Sony o controle sobre determinadas patentes da Ericsson e permitirá que a companhia integre os rendimentos da joint venture com seus próprios aparelhos e conteúdos. “A transação também fornece para a Sony um amplo acordo de licenciamento cruzado de propriedade intelectual (IP) cobrindo todos os produtos e serviços da Sony, assim como a propriedade de cinco famílias de patentes essenciais de tecnologia wireless para aparelhos móveis”, completou a Sony.

“Nos últimos dez anos, o mercado mobile mudou o foco de simples telefones celulares para smartphones ricos em recursos que incluem acessar a Internet e outros conteúdos online. A transação é um passo estratégico lógico que a empresa toma pela natureza dessa evolução e seu impacto no mercado”, afirmou a Sony em um comunicado à imprensa sobre o assunto.

"Demorou"

Alguns especialistas acreditam que a companhia já deveria ter adquirido a parte da Ericsson. “Ela deveria ter feito a proposta há três, quatro anos”, acredita Ben Wood, analista do instituto CSS Insight.

No segundo trimestre, Sony Ericsson teve prejuízo de 67 milhões de dólares, em parte devido ao terremoto ocorrido no Japão, que a afetou. Já no trimestre seguinte, a companhia também teve resultados ruins, com quedas de receita bruta e lucro.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail