Home > Notícias

Sucessor de Jobs receberá bônus de US$ 383 milhões em ações da Apple

Tim Cook ganhou US$ 800 mil como salário em 2010, além de US$ 5 milhões de bônus e US$ 52 milhões em papéis da companhia

Macworld/Reino Unido

29/08/2011 às 9h11

Foto:

Quanto vale o novo diretor executivo da Apple, Tim Cook, sucessor de Steve Jobs no comando da empresa? Segundo um documento encaminhado à SEC (a Comissão de Valores Mobiliários do Estados Unidos), sua presença no comando da empresa nos próximos anos merece um bônus de um milhão de ações da Apple, o equivalente atualmente a mais de 380 milhões de dólares (isso sem falar nos outros ganhos que o cargo propicia).

O documento, encaminhado na semana passada (que as empresas de capital aberto são obrigadas a fornecer após uma grande mudança), cita os últimos acontecimentos, como a saída de Jobs do cargo de CEO e a promoção de Cook.

Leia também:
Com saída de Jobs, Tim Cook precisa provar que é capaz de inovar

Por que a Apple não vai naufragar sem Steve Jobs

Steve Jobs deixa o cargo de CEO da Apple

Pelo documento, o milhão de ações de Cook chegará em duas fases: a primeira delas em 24/8/2016 e o outro milhão na mesma data de 2021 (é, não é só passar no caixa hoje e retirar o cheque). Em outras palavras, só colocará a mão nesse dinheiro todo se comandar a companhia pelos próximos ciclos de cinco e dez anos.

No ano passado, ele ganhou 800 mil dólares em salários, mas recebeu 5 milhões de dólares em bônus e mais 52 milhões de dólares em ações.

timcook01.jpg

Tim Cook: bônus para manter o executivo na Apple pelos próximos dez anos

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail