Suécia vai proibir venda de carros movidos a gasolina e diesel em 2030

Decisão faz parte de um esforço do governo sueco para atender às demandas do Acordo de Paris. País tem investido em veículos elétricos

Foto: Shutterstock
https://pcworld.com.br/suecia-vai-proibir-venda-de-carros-movidos-a-gasolina-e-diesel-em-2030/
Clique para copiar

Carros movidos a combustível estão com os dias contados em vários países da Europa. Agora, a Suécia confirmou quando isso irá acontecer: segundo o primeiro ministro sueco Stefan Löfven, a partir de 2030, não será permitida a fabricação ou venda desse tipo de automóvel.

A decisão faz parte de um esforço do governo da Suécia para tentar reduzir os efeitos causados pelas mudanças climáticas, causadas principalmente pela emissão de toxinas pelos transportes na região. A medida também se enquadra nos objetivos propostos pelo Acordo de Paris, de 2015, em que quase 200 representantes de várias nações se comprometeram a criar soluções mais sustentáveis para limitar o aumento da temperatura global ao máximo de 2º C por ano pelos próximos dez anos.

A Suécia segue um movimento amplamente adotado por outros vizinhos no continente europeu, todos com a meta de extinguir por completo o uso de gasolina e diesel nos veículos convencionais. Na Noruega, por exemplo, a expectativa é que carros movidos a combustível fóssil não sejam mais comercializados em 2025 – quase metade da frota automotiva no país já roda à base de energia elétrica. Enquanto isso, na Dinamarca, a previsão é a mesma da Suécia: de que daqui 11 anos não seja vendido mais nenhum carro que utilize gasolina ou diesel como fonte de alimentação.

Além da Suécia, França, Irlanda, Grâ Bretanha e Islândia também já estipularam datas fixas para por um fim nesse tipo de automóvel. A grande maioria planeja concretizar essa ação até 2040, com exceção da Alemanha, que determinou metas próprias para até 2050.

Com informações do Newsbeezer

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site