Home > Notícias

Sul-coreanos desenvolvem bateria de lítio que dura oito vezes mais

Equipe de pesquisadores descobriu como deixar as baterias de lítio 700% mais eficientes em consumo do que os modelos atuais.

Redação do Computerworld

25/11/2008 às 18h28

Foto:

Um grupo de pesquisadores da Universidade de Hanyang, Coréia
do Sul, liderado pelo professor de química aplicada Cho Jae-phil, afirma ter
encontrado uma maneira de fazer as baterias de notebook e telefones celulares
durarem oito vezes mais do que as baterias tradicionais.

O significativo aumento na capacidade foi possível graças ao
uso de partículas porosas e tridimensionais de silício no eletrodo negativo. Estas
partículas foram feitas de sílica e fluoreto de hidrogênio no lugar de grafite,
como é feito no processo tradicional de fabricação.

Inovações tecnológicas:

>
Nova memória da IBM armazena 500 vezes mais


>
HP promete memórias que substituirão a DRAM


>
Samsung cria HD com memória flash de 256 GB

Ainda que as vantagens do novo material fossem conhecidas, o
silício expandia quando entrava em contato com o lítio. A equipe de Cho Jae-phil apostou
em partículas porosas para resolver esse problema e aproveitar as vantagens da
combinação de sílica e fluoreto de hidrogênio.

Os pesquisadores pediram patentes para quatro tecnologias na Coréia do Sul,
Estados Unidos e União Européia. Segundo o professor Cho, a produção comercial
para baterias com a nova tecnologia seria de quatro anos. A idéia é incorporar a
descoberta no desenvolvimento de painéis solares.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail