Home > Notícias

Surpresa: Microsoft é uma das empresas que mais contribui para o Linux 3.0

Empresa ficou em sétimo do ranking das companhias. Desenvolvedor da companhia de Redmond foi o que mais sugeriu alterações.

Redação IDG Now!

19/07/2011 às 16h03

Foto:

Uma lista, criada pelo site LWN.net enumera as empresas e desenvolvedores que mais implementaram mudanças durante o desenvolvimento na nova versão do Linux, que está em ciclo de desenvolvimento. O campeão de alterações foi um especialista chamado K. Y. Srinivasan que, pasmem, é desenvolvedor da Microsoft. As informações são do site The H Open.

A companhia de Redmond figurou também entre as empresas que mais fizeram contribuições para a nova versão do Linux, contabilizando 361 alterações, o que a colocou sem sétimo lugar entre as empresas que mais colaboraram com o desenvolvimento do software. Outras companhias famosas (como a Red Hat e a Intel) também pincelaram o Linux 3.0, fornecendo 1.000 e 839 mudanças no código, respectivamente.

O relatório, publicado pela LWN.net na última quinta-feira (14/7, somente para assinantes, mas que deve se tornar público no proximo dia 21/7) destaca Srinivasan por melhorar o driver de virtualização HyperV da Microsoft para Linux (que tem dois anos de idade), pois, de acordo com o site, ele é responsável por uma grande quantidade de "pequenas mudanças", porém muito importantes.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail