Home > Notícias

Tegra, da Nvidia, chega para rivalizar com Atom nos ultraportáteis

Baseados no núcleo Arm, os processadores irão concorrer com a família Centrino Atom, da INtel, lançada em abril deste ano.

IDG News Service/Taipé

02/06/2008 às 8h39

Foto:

A Nvidia entrou no mercado de ultraportáteis conhecidos como MID (Mobile Internet Devices) nesta segunda-feira (02/06) com o lançamento dos processadores Tegra de processadores, baseados no núcleo Arm.

Inicialmente, a linha Tegra rivalizará com a família Centrino Atom, lançada pela Intel em abril. Os chips Atom são voltados aos laptops portáteis (MIDs) mais usados para acesso à internet e outras tarefas básicas.

Veja também:
> Ultraportáteis conquistam brasileiros
> Fotos: veja e compare ultraportáteis
> Laptop de 100 dólares x Classmate
> Veja o laptop de 100 dólares em ação
> Conheça o Positivo Mobo
> Imagens do Eee PC

"É um computador completo em um chip. Ele tem CPU, gráficos, GPU, toda a parte de imagem e os periféricos necessários para a criação de um Mobile Internet Device" disse Michael Rayfield, gerente geral da unidade de negócios Mobile da Nvidia.

A linha Tegra conta com os chips Tegra 650, de 800MHz, e Tegra 600, de 700MHz. A família também incluirá o APX 2500, processador da Nvidia criado para celulares e smartphones que foi anunciado no começo do ano.
++++
O coração dos chips Tegra é um núcleo de processamento Arm11. Ele inclui um núcleo gráfico GeForce, decodificador de vídeo de alta definição e outros componentes, permitindo a execução de funções que normalmente dependem de diversos chips diferentes.

Para ilustrar como as máquinas com chips Tegra podem economizar espaço, a Nvidia mostrou um ultraportátil Eee PC, da Asustek Computer, com a placa-mãe removida e a substituiu com a placa baseada no Tegra, que mede 43 milímetros quadrados. O único componente exigido para o funcionamento da máquina era uma bateria.

O núcleo de processamento Arm usa um conjunto diferente de instruções em relação aos chips x86 da Intel. Isto significa que um software criado pata um PC ou laptop, não pode rodar em uma máquina baseada em Arm.

Os processadores com núcleo Arm têm sido utilizados há algum tempo em dispositivos móveis e geralmente consomem bem menos energia do que as máquinas com x86. Entre eles estão o iPod Touch e o Nokia N800.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail