Home > Notícias

Terra lança “Terra TV Video Store”, serviço de vídeo sob demanda

Usuários podem comprar e alugar filmes ou optar por assinatura mensal, que custa R$ 14,90.

Ricardo Zeef Berezin, do IDG Now!

30/11/2010 às 17h06

Foto:

O portal Terra lançou nesta terça-feira (30/11) seu serviço de vídeo sob demanda, o Terra TV Vídeo Store, ainda em estágio beta. Com ele, o usuário poderá comprar ou alugar filmes e seriados diretamente de seu computador – é possível baixá-los ou assisti-los por streaming. Nesse caso, a velocidade de conexão à Internet recomendada é de, no mínimo, 2 Mbps (megabits por segundo).

Para usar o serviço, o internauta deve ter um username no Terra – vale o do e-mail, por exemplo. Pode-se optar pela aquisição individual (a partir de 9,90 reais a compra e 3 reais o aluguel) ou pela assinatura mensal, também chamada de Vídeo Clube, a 14,90 reais mensais, que dá acesso ilimitado aos filmes do catálogo.

O conteúdo alugado pode ser visto em até 30 dias, sendo que, a partir do momento que o usuário decidir abri-lo, tem 24 horas para terminar de assistir. Já o vídeo comprado sempre estará acessível por streaming, e pode ser baixado, também em até 30 dias, para três aparelhos diferentes.

Um dos destaques é que o conteúdo pode ser exibido não só na tela do computador, mas também em dispositivos móveis – iPhone, iPad e Android – e em televisores com acesso à Internet compatíveis – por ora, só alguns modelos da LG são suportados.

Catálogo
Há cerca de 200 filmes disponíveis – o que ainda é pouco - alguns dos quais também em formato HD, como o vencedor do Oscar, Guerra ao Terror. Dos últimos lançamentos, os mais conhecidos são Toy Story 3, Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo e O Ilusionista. Não deixa de ser curioso, no entanto, o destaque que o site dá à produção O Mestre Panda, uma clara cópia, mas de qualidade muito inferior, do blockbuster Kung Fu Panda.

Quanto às séries, são só duas - incompletas - e a mais famosa, O Elo Perdido, é de mais de trinta anos atrás. Pelo menos, há bons shows no catálogo, como Bee Gees – One Night Only, Diana Krall, no Rio de Janeiro; Beach Boys, em Knebworth; e Ray Charles, na cidade de Montreal.

Não se deve perder de vista que o Terra pertence à Telefônica. A empresa de telefonia lançou o mesmo tipo de produto em setembro, o On Vídeo, cujo defeito mais explícito era o mesmo que o do serviço inaugurado pelo portal: falta de conteúdo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail