Home > Notícias

Teste: bateria do iPad 2 supera a do modelo original

Mesmo sendo mais rápido, fino e leve, novo tablet da Apple apresentou maior autonomia que antecessor; aparelho não tem previsão de chegada ao Brasil

Macworld / EUA

15/03/2011 às 14h18

Foto:

A Apple afirma que seu recém-lançado iPad 2 traz melhorias de desempenho em relação ao modelo original do tablet – uma alegação que o nosso review confirmam. Testes contínuos com o novo aparelho no Macworld Lab ilustram como o novo processador dual-core A5 e o sistema gráfico mais rápido afetam a duração de bateria do gadget. E os resultados são boas notícias para os donos do iPad 2.

Testamos dois modelos do novo tablet – um branco de 32 GB e um preto de 16 GB, ambos com 3G. Para comparação, também foi testado um modelo original do tablet de 16 GB e 3G (apesar de nossos aparelhos de testes possuírem capacidades de armazenamento diferentes, vale lembrar que o iPad usa armazenamento em flash – além disso, a quantidade de capacidade de armazenamento não afeta nossos testes de duração de bateria).

Como seu antecessor, o iPad 2 possui vida de bateria de até 10 horas. Ou para ser mais específico, a página de especificações da Apple diz que são 10 horas navegando na web em rede Wi-Fi, assistindo vídeo ou ouvindo músicas. Os modelos equipados com 3G prometem 9 horas de navegação na Internet em uma rede 3G.

Para testar a duração de bateria de cada serviço, reproduzimos um filme comprado na iTunes Store, repetindo-o até que a bateria finalmente acabou. Colocamos o brilho da tela no máximo, conectado a uma rede Wi-Fi e com o volume baixo.

Mesmo com seu maior poder de processamento, gráficos mais rápidos e capacidade menor, o iPad 2 superou o modelo original em pouco mais de 3%.

tabipad2bat

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail