Home > Notícias

Tim Cook: Apple Watch não precisa ser o primeiro, mas o melhor relógio

Em evento nos EUA, CEO comparou segmento de relógios inteligentes com sucesso da empresa por conta do lançamento do iPod no mercado de MP3 Players.

Macworld / EUA

11/02/2015 às 11h35

applewatch fitness 520.jpg
Foto:

A Apple diz que está abordando o mercado de smartwatches com a mesma estratégia que usou para dominar o segmento dos MP3 Players com o iPod: criar produtos memoráveis que sejam fáceis de usar.

A Apple não foi a primeira empresa fazer tocadores de MP3, lembrou o CEO Tim Cook durante um evento em San Francisco, nesta terça-feira, 10/2. Mas antes da Apple chegar com o iPod, os MP3 Players eram conhecidos por interfaces de usuários complicadas que as pessoas achavam ruins de usar.

Cook vê um paralelo no mercado de smartwatches, em que nenhum aparelho se destaca. Segundo ele, o Apple Watch vai mudar a vida das pessoas.

“O segmento dos tablets também era assim. Não havia nada que mudasse o mundo”, afirmou Cook durante uma sessão na conferência realizada nos EUA.

O recurso mais impressionante do Apple Watch é a sua versatilidade, afirmou Cook, que diz usar o seu smartwatch da empresa todos os dias. As pessoas terão os seus aplicativos favoritos do Apple Watch, disse.

Apple e IBM

Cook também falou sobre a parceria entre Apple e IBM, dizendo que o acordo é focado nos pontos fortes de cada empresa. A Apple não tinha a experiência corporativa e o conhecimento necessário para desenvolver software para os cargos em indústrias específicas. A IBM sabe muito dessas duas áreas, mas não produzia aparelhos que permitiam aos trabalhadores se tornarem mais móveis.

“A verdade é que as empresas não se moveram em direção à mobilidade como os consumidores finais fizeram. Ainda temos muitas pessoas presas às suas mesas”, afirmou Cook.

Android

A rivalidade com o Android também não preocupa Cook. “Sempre acreditamos que nosso papel na vida é fazer o melhor, não a maior quantidade”, afirmou, em uma clara referência ao fato de o Android aparecer em (bem) mais smartphones do que o iOS, da Apple.

A Apple já enfrentou a Microsoft no mercado de PCs e lutou contra Nokia e BlackBerry no segmento de smartphones, completou. Às vezes o melhor produto custa mais dinheiro, e as pessoas estão dispostas a pagar um premium pelos produtos da Apple, afirma Cook.

“Desde que consigamos fazer ótimos produtos, há um bom mercado para nós”, disse o executivo quando questionado se as vendas do iPhone podem continuar crescendo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail