Home > Notícias

Usuário de iPhone ameaça dar um tiro no celular dentro de revenda da Apple

Irritado com problemas com seu smartphone, o americano Donald Goodrich entrou em uma loja nos Estados Unidos, disse ao atendente que seu aparelho não funcionava e sacou uma pistola para destruir o celular

Redação Macworld Brasil

02/10/2009 às 11h20

Foto:

Parece coisa do filme Um Dia de Fúria, estrelado por Michel Douglas. Irritado com problemas com seu iPhone, o americano Donald Goodrich entrou em uma revenda da Apple nos Estados Unidos, disse ao atendente que seu aparelho não funcionava e sacou uma pistola  9 mm para destruir o celular. Acabou preso.

Segundo a emissora americana WCPO-TV, ele foi até uma loja de Apple na quinta (1/10) e afirmou ao atendente que estava muito bravo com seu iPhone, que não funcionava direito. E não parou por aí, dizendo que tinha vontade de destruir o aparelho com uma arma. Em seguida, sacou a arma e disse “eu vou fazer isso agora”.

iPhone

iPhone: na mira de um usário irado

O funcionário, assustado, disse a ele que não era necessário fazer isso e que era possível consertar o smartphone. Foi até o técnico da loja e contou o que estava acontecendo. Enquanto isso, o gerente da loja chamou a polícia, que prendeu o consumidor irado.

Está certo que o iPhone tem uns problemas de vez em quando (programas que travam, bateria que acaba rápido...), mas nada justifica esse tipo de atitude, claro.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail