Home > Notícias

Venda de iPhone 3G causa aumento de produção em Taiwan

Aparelhos da Apple e da HTC geram maiores lucros para fabricantes de Taiwan, criando cenário que vai na contramão da crise global financeira.

IDG News Service/Taipé

07/11/2008 às 12h07

Foto:

O iPhone 3G, da Apple, e o Touch Diamond, da HTC, levaram as fabricantes de smartphones de Taiwan a aumentar a produção no terceiro trimestre, apontou um estudo divulgado pela Market Intelligence Center na quinta-feira (06/11).

Junto às fortes vendas desses dois aparelhos, o lançamento do Android também promete movimentar o mercado na ilha.

As companhias de Taiwan venderam 10,02 milhões de smartphones no período de julho a setembro, um aumento de 125% comparado ao mesmo período do ano passado e 54% superior, se comparado ao segundo trimestre, de acordo com a empresa de pesquisa de Taiwan.

O grande crescimento da produção anual indica que alguns produtos tecnológicos em evidência podem superar a crise financeira global. Entretanto, a Market Intelligence Center afirmou que o volume de vendas caiu durante o trimestre devido ao clima de mudanças econômicas e a falta de características únicas.

A Apple vendeu 6,89 milhões de iPhones durante seu quarto trimestre fiscal, que foi concluído em 27 de setembro - resultado superior de aproximadamente 1 milhão de unidades em relação a maioria das previsões. A companhia também vendeu 11,05 milhões de iPods, um aumento de 8% em relação ao mesmo período do ano passado.
  
Smartphones têm beneficiado os fabricantes de Taiwan devido à alta margem de lucros, comparada a outros produtos como desktops e consoles de games.
O iPhone 3G ajudou a Hon Hai Precision Industry a superar suas estimativas - com resultado de um lucro líquido de 542,3 milhões de dólares anunciado na semana passada.

O lucro líquido caiu pouco menos de 10% comparado ao mesmo período do ano passado devido as vendas fracas de desktops, de acordo com Jenny Lai, analista da CLSA - Ásia Pacific Markets em Taipei.

As vendas globais de desktops têm sofrido quedas anuais de 6% no terceiro trimestre, disse a analista, e desktops somam 30% a 40% das vendas da Hon Hai. A companhia é representante da Dell e da Hewlett-Packard.

A HTC, fabricante de celulares de Taiwan, também viu suas vendas crescerem com seu último smartphone, o Touch Diamond, segundo a Market Intelligence Center.
Como o iPhone 3G, o Touch Diamond integra um amplo touchscreen e trabalha com uma rede wireless de alta velocidade, com a diferença de que usa o Windows Mobile da Microsoft. A HTC é a maior fabricante de celulares a utilizar o Windows Mobile.

A HTC não forneceu os números de vendas do Touch Diamond, mas funcionários dizem que, enquanto o crédito global enfrenta um impacto no consumo, os smartphones parecem ser um escudo protetor, em função de sua crescente popularidade.

Em relação ao G1, primeiro celular a rodar o sistema operacional Android do Google lançado em setembro, a Asustek Computer anunciou planos de lançar um celular com o sistema no começo do ano que vem. A entrada do Android no mercado de celulares impulsionou fabricantes de sistemas operacionais concorrentes a reduzirem o valor das licenças, afirmou a Market Intelligence Center. A empresa de análises prevê que as pessoas serão beneficiadas pelos preços baixos.

Os smartphones não são os únicos produtos com resultado positivo. Os netbooks, dispositivos ultraportáteis voltados a internet, também estão entre os produtos mais desejados pelos consumidores neste ano. Na semana passada, a Acer afirmou que foram vendidos 2,4 milhões de netbooks Aspire One no terceiro trimestre. A Asustek Computer vendeu 1,7 milhões do seu popular Eee PC no terceiro trimestre e a estimativa de vendas para o quarto trimestre está entre 1,6 milhões e 1,8 milhões de unidades.

Os netbooks também estão começando a se tornar populares pelo seu baixo preço e portabilidade.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail