Home > Notícias

Venda de servidores no Brasil cresceu 23% em 2008, afirma IDC

Receita proveniente desse segmento ultrapassou 1 bilhão de dólares. Para 2009, no entanto, consultoria espera retração no setor.

Redação do COMPUTERWORLD

23/04/2009 às 17h04

Foto:

Segundo a consultoria IDC, o mercado brasileiro de servidores chegou a 117 mil unidades vendidas em 2008, valor que representa um crescimento de 23,2% em comparação ao ano anterior. A receita proveniente das vendas de hardware ultrapassou 1 bilhão de dólares, alta de 11,4% ante 2007.

O maior crescimento se deu no segmento de servidores “volume”, classificação dada pela consultoria para máquinas com custo até 25 mil dólares. Neste caso, a elevação foi de 23,8% em unidades e 20,1% em receita. Já os servidores “enterprise”, com preço acima de 25 mil dólares, ficaram praticamente estáveis em vendas, apresentando alta de apenas 6% em receita.

Para Alexandre Vargas, analista da IDC responsável pelo estudo, o fato das pequenas e médias empresas terem adquirido seu primeiro servidor no ano passado, substituindo os chamados desk servers (desktops usados como servidor), impulsionou as vendas no segmento volume, formado basicamente por máquinas x86. A estabilidade econômica, pelo menos até o terceiro trimestre, e a facilidade de crédito também contribuíram para o crescimento.

No segmento enterprise, segundo Vargas, a maturidade do mercado, a queda nos preços e o crescimento da virtualização explicam o fraco desempenho. Ao mesmo tempo, o Brasil possui uma das maiores bases de mainframe do mundo, sendo que a receita proveniente deste tipo de equipamento foi responsável por um terço das vendas totais do setor. A média na América Latina, excluindo o Brasil, é de apenas 8%.

Este ano, entretanto, a IDC espera que o mercado veja uma retração no número de servidores vendidos no Brasil.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail