Home > Notícias

Vendas de celulares têm recuperação no 2º trimestre de 2009, diz IDC

Apesar de terem caído 10,8% em relação ao mesmo período de 2008, vendas de celulares mostram ligeira recuperação, especialmente em smartphones.

IDG News Service

31/07/2009 às 8h54

Foto:

As vendas globais de celulares continuaram fracas no segundo trimestre do ano, apesar de alguns sinais de recuperação no setor de smartphones, revelou novo levantamento da consultoria IDC.

A queda foi de 10,8% em relação ao segundo trimestre de 2008, registrando 269,6 milhões de unidades vendidas. No primeiro trimestre de 2009, a queda havia sido pior - de 17,2% em comparação com o ano anterior.

"Os desafios dos últimos nove meses - câmbio estrangeiro volátil e incerteza na demanda - continuaram a afetar o mercado de celulares, mas não estão mais tão severos quanto antes", disse o analista sênior do IDC, Ramon Llamas. Os pequenos sinais de melhorias giram em torno dos celulares de tecnologia mais avançada, como os smartphones.

O IDC prevê que as vendas de celulares em todo o ano de 2009 sofram uma queda de 13% em comparação com 2008. "O corte no preço do iPhone 3G feito pela Apple reflete uma tendência que deve continuar nos próximos trimestres", afirmou o especialista.

A Nokia continua no topo da lista dos maiores fabricantes do mundo e atingiu 103,2 milhões de aparelhos vendidos, uma queda anual de 15,4%, de acordo com a IDC. A Samsung Electronics ocupa o segundo lugar, tendo vendido 52,3 milhões de celulares no segundo trimestre do ano, queda de 14,2% comparados ao mesmo período do ano passado.

Em terceiro lugar está a LG, que vendeu 29,8 milhões - 6% a menos que no ano anterior. Já a Motorola sofreu queda anual de 47%, registrando a venda de 14,8 milhões de aparelhos vendidos no período.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail