Home > Notícias

Vendas de PCs foram derrubadas pelo iPad

Previsões de comercialização de computadores caíram de números de dois dígitos antes do lançamento do tablet para apenas 1% no primeiro trimesttre de 2011

PC World / EUA

08/04/2011 às 14h43

Foto:

Números divulgados recentemente mostram que o iPad está realmente canibalizando o mercado tradicional de computadores – e os notebooks/netbooks em especial. A BusinessWeek publicou que as vendas globais de laptops entraram em colapso, indo de taxas de crescimento de dois dígitos antes do lançamento do tablet para apenas 1% no primeiro trimestre deste ano. E à medida que os analistas diminuírem cada vez mais as previsões de vendas de computadores, a concorrência será ainda mais acirrada entre os fabricantes.

A BusinessWeek descreve o fato como se Steve Jobs e o iPad estivessem mandando “destruição” para Taiwan, causando crises em fabricantes como Asustek e Acer. Enquanto isso, a BusinessInsider afirma que as vendas no varejo da HP caíram 12% e os rendimentos da Dell diminuíram em 8%.

Como resultado do crescimento mais lento, as estimativas de vendas de computadores estão sendo reduzidas. Em março, a consultoria Gartner cortou sua previsão de crescimento de unidades de computadores para 2011 em cinco pontos percentuais, indo de 15,9% para 10,5%, de acordo com informações da CNN. De maneira parecida, o AppleInsider informa que o analista do Deutsche Bank, Chris Whitmore, reduziu sua previsão de crescimento das vendas de computadores de 9% para 4%.

Leia também:
Um ano de iPad - Como a Apple sacudiu o mercado de computadores

A razão para tudo isso? Sim, você adivinhou. Whitmore estima que cerca de 30% dos donos de iPad estão usando-o como um substituto do laptop, em vez de um aparelho adicional. Analistas da Morgan Stanley também confirmaram essa tendência no último mês de setembro, quando afirmaram que o tablet da “maçã” havia canibalizado cerca de 25% do mercado de notebooks desde que foi anunciado, em janeiro de 2010.

ipad390b

iPad: consumidores estão utilizando o equipamento no lugar do notebook

Mas a notícia ainda pior para os fabricantes de computadores é que o mercado de tablets está apenas crescendo mais e mais rápido. Como citado na reportagem da BusinessWeek, o eMarketer estima um crescimento de 178% para os tablets neste ano, com a Apple mantendo em torno de três quartos do mercado (74%).

Talvez a tão falada era “pós-PC” de Steve Jobs já tenha começado. Fabricantes de computadores estão correndo para preparar alternativas para o iPad 2.

Mas apesar de o bom e velho laptop estar definitivamente em queda, não há como tirá-lo da conta ainda. A Gartner espera que as vendas de computadores se recuperem neste ano. O lançamento do Windows 8 também pode ajudar a reviver esse mercado. E os mais recentes processadores amigáveis a laptops, o Llano, da AMD, e o Sandy Bridge, da Intel, já estão conseguindo fazer bastante barulho.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail