Home > Notícias

Vendas mundiais de iPhones crescem mais de 500% no segundo trimestre

Segundo o Gartner, a Apple comercializou 5,4 milhões de telefones, contra 829 mil unidades vendidas no mesmo período de 2008

PCWorld / EUA, com reportagem de Daniel dos Santos, MacWorld Brasil

12/08/2009 às 11h42

Foto:

As vendas mundiais do iPhone (celular  da Apple) tiveram forte crescimento no segundo trimestre ano. É o que mostra um levantamento feito pelo instituto de pesquisas norte-americano Gartner. 

Segundo o estudo, foram vendidos no período nada menos que  5,4 milhões aparelhos, contra 829 mil unidades comercializadas no mesmo período de 2008, o que representa um crescimento de mais de 500%. Como consequência disso, a empresa viu sua participação no mercado de smartphones (celulares inteligentes) crescer de 2,8% para 13%.

De acordo com o Gartner, as vendas de smartphones de modo geral não param de subir. No segundo trimestre de 2009 o crescimento foi de 27%, representando um total de 41 milhões de aparelhos, comparado com o mesmo período do ano passado. A analista da Gartner, Carolina Milanesi, afirma que o motivo para tal crescimento é a maior quantidade de smartphones com preços menores.

iphone_EUA_review_300

iPhone: participação da Apple no mercado de smartphones saltou de 2,8% para 13%

Smartphones em números

No ranking de smartphones, é a Nokia que aparece no topo da lista. Em seguida estão a Research In Motion, Apple e HTC. A Palm ficou na décima posição. A participação da Nokia no mercado subiu de 41,2% para 45%, quando comparada com o primeiro trimestre de 2009, mas caiu em relação mesmo período do ano passado, quanto tinha 47%).

Ela continuou a ter problemas com a venda de aparelhos topo de linha, como o N97, mas compensa com o sucesso de produtos mais baratos, como o 5800 XpressMusic. A RIM teve uma participação de 18,5%, o que representaum aumento em relação ao mesmo período do ano passado, mas com leve queda, comparado com o primeiro trimestre deste ano.

Plataformas

O sistema operacional do iPhone comparado com o da Microsoft, o Windows Mobile, está uma posição acima. Para Milanesi, o lançamento do Windows Mobile 6.5 não conseguirá levantar a Microsoft, pois segundo a analista não basta melhorar o sistema em si, é preciso investir na usabilidade e interface.

Milanesi acredita que somente a HTC e a Samsung devem continuar no desenvolvimento de suas próprias interfaces. O Android, sistema operacional do Google, teve entre 700 e 800 mil unidades comercializadas, representando  2% do mercado.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail