Home > Notícias

Viacom: Google vai ocultar nomes de usuários em caso na Justiça

Buscador e conglomerado chegam a acordo para que identidades e IPs de usuários do YouTube sejam ocultados.

IDG News Service/França

15/07/2008 às 8h41

Foto:

O Google poderá ocultar a identidade dos usuários do YouTube quando entregar o banco de dados com os hábitos de visitação à Viacom International em resposta a uma ordem da Justiça, afirmaram as companhias nesta segunda-feira (15/07).

Ainda
que o Google ainda tenha que divulgar os dados que indicam quais vídeos
foram vistos e quando, a empresa poderá ocultar o nome do usuário, seu IP e a identidade e localização geográfica do visitante que assistiu aos vídeos.

Ao
invés disto, o Google colocará valores únicos preservando o
comprometimento com a Justiça, mas protegendo o anonimato do usuário,
segundo documentos enviado à Corte Distrital de Nova York.

A Viacom entrou com processo contra o buscador e seu serviço de vídeos em 2007, acusando-os
de distribuir ilegalmente seu conteúdo protegido por direitos autorais
e pedindo informações sobre a identidade dos usuários. A Viacom espera que os dados mostrem que seu conteúdo é mais interessante à comunidade que os vídeos criados pelos próprios usuários do YouTube.

Defensores da privacidade online se mostraram preocupados com a ordem da Justiça do Google revelar os dados. Entre eles, a Electronic Frontier Foundation alertou que a manobra ¨ameaça expôr informações altamente privativas sobre vídeos assistidos no YouTube¨.

O
recente acordo atenua um pouco este risco, ainda que dependa bastante
dos critérios usados pelo sistema do Google para determinar que valores
serão usados para substituir a identidade do usuário dentro do banco de
dados.

Como parte do acordo, a Viacom afirmou que não ¨tentará qualquer ação para evitar a criptografia usada para ocultar os endereços IP e identidades no YouTube dos usuários.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail