Home > Notícias

Yahoo dá mais abertura ao sistema de busca com plataforma BOSS

Buscador lança plataforma com API que permitirá que serviços implementem busca própria baseada em algoritmo do Yahoo.

IDG News Service/EUA

10/07/2008 às 8h42

Foto:

O Yahoo
permitirá que outros sites usem sua tecnologia para construir seus
próprios buscadores em um novo sistema de compartilhamento de receita
anunciado pela empresa nesta quinta-feira (10/07).

O Yahoo
afirmou que lançaria uma versão beta do API na quinta para que sites
consigam construir serviços baseados na infraestrutura e nos algoritmos
de busca da companhia, incluindo a habilidade de reposicionar
resultados e controlar como eles são apresentados.

Um publisher
pode usar a API para criar um serviço especializado em determinado
tópico, como esportes, por exemplo. Ou pode usar a API para dar aos
usuários uma maneira melhor de procurar conteúdo em seu próprio site -
ou até mesmo criar um potencial rival para o Yahoo.

O API é parte do que o Yahoo chama de plataforma BOSS
(da sigla em inglês para Construa seu Próprio Sistema de Busca). A API
estará disponível para qualquer desenvolvedor online, junto a
ferramentas que combinam o índex do Yahoo com dados de outras fontes online.

Nos
próximos meses, a empresa lançará uma ¨plataforma de monetização¨,
usando seu sistema de publicidade, que permitirá que sites comecem a
gerar receita a partir dos serviços usados. O Yahoo planeja coletar uma parte da receita dos sites que usem o BOSS, afirmou Karsten Weide, analista do IDC.

Mas o Yahoo defende que a BOSS
dará um ¨nível de acesso sem precedentes¨ à tecnologia de uma maneira
que ¨atingirá o mercado de busca¨, afirma a companhia no anúncio.

Analistas afirmam não esperar que a nova oferta melhore significantemente a participação do Yahoo
no setor, no entanto. ¨Ajudará, não há dúvida sobre isto, mas não será
uma virada de jogo. Certamente não em curto prazo¨, defende Weide.

Dois sites já utilizam o BOSS para oferecer buscas de nicho. A ferramenta social Me.dium permite que usuários em diferentes PCs busquem conteúdo e naveguem juntas, enquanto o Hakia se especializa em buscas semânticas.

Este
sites são exemplos dos tipos de serviços especializados que ainda não
conseguiram decolar pela dominação em todos os tipos de busca que o
Google ainda mantém, afirma Evan Andrews, analista da Jupiter Research. Se outros sites puderem usar a tecnologia do Yahoo para melhorar seus serviços, a companhia poderá ver então algum tipo de impacto na sua novidade, defende.

A novidade expande o projeto Open Strategy anunciado pelo Yahoo
no começo do ano, plano de longo prazo para que serviços e aplicações
contem com um sistema de busca mais aberto.

Na primeira etapa, o Yahoo
pretende permitir que terceiros adicionem informações a seus resultados
no índex do buscador e já chegou a cogitar edições diretamente no
algoritmo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail