Home > Notícias

Yahoo é obrigado a eliminar conteúdo pornográfico do portal na China

O portal foi forçado a remover material adulto que estava hospedado em uma página do seu serviço de blogs e álbuns de fotos.

IDG News Service

09/11/2009 às 12h31

Foto:

O governo chinês ordenou ao portal Yahoo China que limpasse todo o conteúdo pornográfico de um site de compartilhamento de fotos, hospedado pela empresa.

Uma sociedade chinesa ligada à web, associada ao governo, afirmou na sexta-feira (6/10) que o Yahoo China e outros websites “violam morais sociais” ao permitir pornografia em seus domínios.

O serviço Yahoo Spaces chinês, com blogs e álbuns de fotos controlados por usuários, também sofreu censuras e foi fechado no final de outubro, segundo um assessor do Alibaba Group, grupo local de comércio eletrônico e dono do website. A empresa está reestruturando o website para equipá-lo com recursos de entretenimento.

O grupo já havia censurado o Google neste ano, com restrições a resultados de buscas sobre o assunto, o que resultou no bloqueio do Google.com e Google Apps durante algumas horas. A companhia solucionou o problema com uma mudança no algoritmo do serviço de busca chinês, bloqueando resultados problemáticos.

As autoridades da China vigiam a internet  para evitar pornografia, discussões políticas contrárias ao governo e outros conteúdos considerados ilegais ou perigosos. Neste ano, o país já fechou milhares de sites e prendeu dezenas de pessoas.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail