Home > Notícias

Zynga deve lançar site de “jogos sociais”

Empresa de jogos online pode estar interessada em se livrar de sua principal plataforma, o Facebook

Sarah Jacobson

10/05/2010 às 13h11

Foto:

SAN FRANCISCO (05/10/2010) - A Zynga, desenvolvedora de jogos online como o Farmville e Scramble, pode estar pensando em deixar sua principal plataforma, o Facebook. De acordo com um relato do site TechCrunch, a empresa está se preparando para lançar seu próprio site de "jogos sociais" batizado de Zynga Live. A Zynga é responsável por alguns dos aplicativos mais populares no Facebook.

De acordo com o placar que lista todos os aplicativos do Facebook, quatro aplicativos da Zynga estão entre os 10 mais populares, incluindo o Farmville (número 1 no ranking), Café World (número 6) e Mafia Wars e Petville (números 8 e 9). A Zynga também faz jogos para outras plataformas, incluindo o MySpace, MSN, My Yahoo e iPhone. De acordo com um e-mail de uma fonte não identificada para o TechCrunch, Mark Pincus, CEO da Zynga, anunciou a iniciativa Zynga Live e confirmou a tensão entre sua empresa e o Facebook na manhã da última quinta-feira:

"Pincus anunciou numa reunião na Zynga às 17:00 de quinta-feira que a empresa iria lançar uma "rede de jogos sociais" batizada de Zynga Live. A Zynga e o Facebook estão negociando a questão dos Créditos do Facebook e a discussão se degenerou: durante o processo de negociação o Facebook desativou os feeds da Zynga e ameaçou retirar do ar seus jogos. A empresa, por sua vez, ameçaou deixar completamente o Facebook e está preparada para fazer isto nas próximas semanas".

A questão dos créditos é relacionada a uma exigência do Facebook de que a Zynga e outros desenvolvedores aceitem "Créditos do Facebook" como única forma de pagamento por conteúdo extra em seus jogos. O Facebook fica com 30% do valor de cada transação em sua moeda.

Fontes também dizem que o Facebook quer que a Zynga feche um acordo onde ela concorde em manter o Facebook como principal plataforma para seus jogos. As negociações não estão indo bem, e como retaliação pela "punição" aplicada a Zynga está se preparando para se mudar da popular rede social, começando com o lançamento do site Farmville.com.

Entretanto, concordo com Daniel Terdiman, da CNET - É difícil de acreditar que o Facebook ou a Zynga irão simplesmente desistir de seu (até o momento) bem-sucedido relacionamento. A Zynga precisa de acesso aos milhões de usuários do Facebook que jogam seus jogos, e o Facebook precisa da Zynga para dar um motivo para que seus usários acessem o site rotineiramente. Ainda assim, como disse a fonte anônima do TechCrunch, a tensão é "intensa".

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail